Como ter fé nos tempos modernos II: Meu Senhor e Meu Deus! (Parte E)



O que estava fazendo Tomé, que não estava com os demais Apóstolos neste momento? Sendo Tomé, um dos escolhidos por Cristo, tendo ele convivido com seus 11 companheiros por um longo período, por que não acreditou? Lembrando que Pedro e o discípulo amado também só creram quando viram. Tomé é audacioso. Ele põe Deus à prova. Ele não quer, simplesmente, ouvir dizer. Chega de acreditar simplesmente nas palavras! Como acreditar no Salvador, no Filho de Deus que se fez homem e morreu na cruz como um maldito? Como acreditar no que seus companheiros falavam-lhe? Quantas vezes, você não viu sua fé abalar por causa de um problema? Em quantos momentos você não colocou Deus a prova: só vou acreditar em Deus se eu conseguir, se curar, se ganhar, se conquistar... Desde quando podemos barganhar com o Criador? Quem age deste modo põe a criação numa situação ridícula e zomba de Deus. Pois acreditar que Deus é um autor que está disposto a negociar com os atores o rumo que seus personagens ganharam na trama da vida é um pouco ousadia demais para um verdadeiro crente e temente a Deus, pois com Deus não se brinca.

Mas ver as feridas de Cristo seria pouco para Tomé, era preciso mais, seria necessário tocá-lo, sentir, experienciar. Nossos olhos podem nos enganar, nossos ouvidos podem nos equivocar, mas quando sentimos, quando entramos em contato, veja bem, não simplesmente tocamos, pois o toque e a sensibilidade também podem falhar, mas quando comungamos de uma mesma ferida, de uma mesma alegria, quando nossa experiência se aprofunda, então, verdadeiramente, podemos acreditar.

Este capítulo do Evangelho de São João termina com a seguinte afirmação: “Fez Jesus, na presença dos seus discípulos, ainda muitos outros milagres que não estão escritos neste livro. Mas estes foram escritos, para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais a vida em seu nome”. Acreditar, crer, ter fé nessa afirmação é um novo mandamento. A vida eterna só pode ser conquistada se acreditarmos nisso e n’Aquele que detém o poder para nos dar tudo, Jesus Cristo, nosso Senhor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sentimento Neutro

Eclesiástico: A alegria do coração é a vida do homem