Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2011

Pesadelo

Parece que o céu está pesado Não vejo mais a luz do astro rei Parece que o tempo é nublado Perdemos o senso de humildade Falta humanidade E no final, parece que nada sei
Além do peso do céu O qual deixa a minha cabeça dolorida E minh'alma cansada pelo fardo que sobre mim é lançado
Tenho a sensação que sobre meus pés já não existe chão Um abismo à minha frente se constrói
E o pior de tudo é que tento apertar tua mão para não cair nesse buraco que se abre cada vez mais e quanto mais se abre, mais me suga para suas profundezas; mas não consigo alcançar tuas mãos. Não consigo alcançar-lher sequer as pontas dos dedos. E então caio por completo na vala escura e sem funda.
Não quero aprender a andar de bicicleta Não quero pedalar sozinho Quero tua compania durante todo o caminho Não importa o percurso. Quero sentir tua presença Quero sentir teu cheiro
Mas estou com medo e vontade de chorar. Amar é complicado Principalmente se você não estiver do meu lado. Que bom que foi só um pesadelo!