Interrogação

Interrogação. O que vai ser daqui para frente(?) Outra Interrogação daquelas bem grandonas.
É difícil começar um texto com interrogação, embora todos comecem desta forma. Sempre há aquela duvida: será que está bom? Mas é difícil também dar qualquer passo na vida sem se perguntar: e agora? Não precisa nem ser José... Simplesmente, e agora?
Dúvidas surgem em tempos de conturbação ou não, mas nestes momentos atingem até mesmo pessoas de estruturas aparentemente inabaláveis, às vezes estas são mais facilmente atingidas ou reagem de modo a parecer mais prejudicadas, talvez isto se dê, divido ao fato de que pessoas que sofrem todos os dias já estão acostumadas, pessoas que tem problemas em todos ou pelo menos na maioria dos momentos da vida tendem a se mostrar menos vulneráveis a novos desastres emocionais, uma vez que já passaram por coisas piores e fundamentalmente.
Eles têm certeza que nenhuma ferida dói para sempre nem dói com a mesma intensidade em pessoas distintas uma vez que cada ser tem uma sensibilidade diferente para cada situação e a mesma pessoa reage de modo diferente dependendo dos fatores que a influenciam...

Comentários

  1. Questionamentos todos temos. Mas ao longo da vida aprendemos que isto é natural, sem eles não teríamos vida! E interrogações nem sempre são dores ou coisas ruins!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Adoro o carinha chamado ponto de interrogação :D

    PAssa lá, atualizei ;D
    http://tiomah.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Interrogações sempre me deixam satisfeita. Estranho isso... Mas gosto de carregar uma dorzinha... qualquer que seja. Me ajuda a pensar. Vai entender...

    besos

    ResponderExcluir
  4. gostei do texto,
    pra tudo no mundo existe uma interrogação
    beijo ;*

    ResponderExcluir
  5. gostei do texto,
    pra tudo no mundo existe uma interrogação
    beijo ;*

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Sentimento Neutro

Eclesiástico: A alegria do coração é a vida do homem