Superficial

Como a vida pode ser tão cruel!
No momento mais perfeito
Quando tudo parece tão bom...
Quando o céu parece tão perto...
Quando não há presença de dor...
Quando a verdade cura e liberta...
Quando tudo parece tão bem...

Aparências!

O mundo moderno se perdeu
Ou fui eu quem não evolui
Não julgo pela casca...
Ovo é ovo: clara e gema!
O que tem por dentro é que tem valor
O que tem por fora é  passsageiro
Mas o que me angustia?

Viva o exterior!

Meu exterior se perdeu
Deixo-me guiar pelo que os outros dizem
Importo-me com o que os outros pensam
Ligo e desligo, apertando uma tecla!
Deixo-me levar pela opinião alheia!
Alheia a minha vontade!
Mudo o Pai Nosso:
Que seja feita a minha vontade,
E que a minha vontade agrade a todos!

Queria nesse momento ser chamado!
Queria nesse segundo ser escolhido!
Quero partir, estou pronto!
Não aguento mais a superficialidade do mundo!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sentimento Neutro

Eclesiástico: A alegria do coração é a vida do homem